Além das praias, a cidade reserva atividades culturais e históricas, bem como uma excelente culinária local. Saiba o que conhecer em Recife neste post! 

 

Quando ir à Recife? 

O ideal é viajar para a capital pernambucana entre os meses de setembro e fevereiro, porque se trata de um período menos chuvoso. 

Quando o foco do turista é o Carnaval, é interessante saber que a folia começa antes das datas oficiais. Os blocos pré-carnavalescos ocupam a cidade com uma antecipação de 2 semanas.  

Agora que você já sabe quando ir, confira a seguir o que conhecer em Recife! 

 

1 – Recife Antigo 

 

O tour pelo Recife Antigo, o centro histórico da capital, pode ser feito a pé. O bairro conta com construções do período colonial, museus e diversos tipos de manifestações culturais. 

Há pouco tempo, o local ganhou uma homenagem ao eterno compositor e cantor Luiz Gonzaga: o Cais do Sertão. Ele já foi eleito como um dos 20 melhores museus da América Latina. 

Também é recente a inauguração do Paço do Frevo, um museu que abriga inúmeras pesquisas sobre esse ritmo tradicional as memórias do Carnaval de Pernambuco. 

Também são paradas obrigatórias por ali: 

 

▪ A Torre Malakoff - uma construção da década de 1850 erguida como observatório astronômico e portão do Arsenal da Marinha. Atualmente, o espaço recebe o público para exposições. Os turistas adoram subir até o terraço para tirar fotos e curtir uma excelente vista de Recife e, também, de Olinda. 

  

▪ Praça do Marco Zero - é um dos principais pontos turísticos para conhecer em Recife. A partir do monumento o turista consegue contemplar o Oceano Atlântico e as esculturas de Francisco Brennand. 

  

▪ Paço Alfândega - ali está o antigo porto construído no século 16 para escoar o Pau-Brasil da região. Há lojas, restaurantes e um terraço para apreciar o rio Capibaribe. 

 

▪ Embaixada dos Bonecos Gigantes - ótima oportunidade para quem vai à Recife fora da época de Carnaval. O espaço expõe os bonecos que participam das folias da capital e da cidade de Olinda. 

 

▪ Igreja da Madre Deus e Capela Dourada - os dois templos católicos são suntuosos e atraem olhares devido aos seus ornamentos e às suas esculturas. 

 

2 - Instituto Ricardo Brennand 

 

O turista deve conhecer em Recife o complexo fundado pelo empresário, engenheiro e colecionador de arte Ricardo Brennand, que veio a falecer em 2020. 

A instituição foi qualificada como o melhor museu da América do Sul pelo site TripAdvisor. 

Os edifícios em forma de castelo medieval surpreendem com exposições permanentes e temporárias. Boa parte dos visitantes vão até o local para conferir de perto a rica coleção de armas, armaduras, quadros e tapetes da coleção pessoal de Brennand.  

Para completar o estilo da arquitetura, o espaço possui belas esculturas em mármore branco, jardins, lagos e bosques. 

 

3 – Praia de Boa Viagem 

 

Quem já ouviu a música "La Belle de Jour", de Alceu Valença, deve se lembrar do trecho em que a Praia de Boa Viagem é citada. Não é por acaso, afinal, ela se posiciona como a praia mais famosa da capital pernambucana. 

Os 8 quilômetros de extensão contam com estrutura completa. Suas águas são mornas e esverdeadas, mas, os mergulhos devem ser evitados em momentos de maré alta, porque os tubarões são comuns na região. Por isso, o correto é aproveitar o banho somente nas áreas protegidas por recifes naturais. 

Os quiosques fixos do calçadão são ótimos para conhecer em Recife um pouco de sua culinária. 

 

4 – Mercado de São José